As 10 coisas para você deixar para trás e as estratégias necessárias para conseguir essa mudança de atitude, sentimentos e ações.

 In ano novo, Business Coaching, Chai Carioni, Coaching, Comportamento Humano, consciência, Desafio Chai Carioni Coach, Desenvolvimento Pessoal, estrategia, Life Coaching, mudanças, Qualidade de Vida, Saúde e Bem-Estar

Sou uma pessoa que promove o patrocínio positivo na maioria das vezes, mas sei que a estratégia de falar de problemas ou dos “nãos” que precisamos dizer, podem gerar mais impacto. Então, se fizer sentido para você (para mim fez muito) vem comigo com o compromisso de abandonar essas 10 atitudes (não deixe de olhar a número 11 – bônus para você), pensamentos e sentimentos que ainda nos impendem de vivermos nossa melhor versão:

1- Dúvidas sobre si mesmo!

Duvidar da própria capacidade é perigoso porque é um freio natural que criamos para não assumirmos novas funções, novas oportunidades, novos caminhos!

Estratégia: saber que todos nós temos capacidade de aprender, porém lembre-se que aprendizagem só acontece com ação, então enfrente a dúvida e tente.

2- Pensamentos negativos!

Evitar pensamentos negativos num mundo cheio de notícias ruins, catástrofes, golpes, violência e medo é para os fortes!

Saber que a lei da atração é o segredo de uma vida mais leve e próspera pode ajudar. Não é papo de autoajuda somente, é papo de quem ama a física e de quem acredita que a boa gestão de recursos traz resultados incríveis.

Estratégia: saiba que energia é um recurso poderoso! Vibre na energia positiva! Ocupe-se com o que te eleva! Mantenha- se consciente, escolha os melhores pensamentos.

3- Raiva

Quem nunca?

Difícil falar em algo que surge inesperadamente como um vulcão de emoções, causando mágoa e dor!

Escutei histórias, ouvi e observei pessoas, revisitei meu coração inclusive e entendi que ela existe, e sim a única coisa positiva que este sentimento tão feio pode nos causar é clareza!

Estratégia: ouvir o seu coração até no momento de sombra e raiva, porque é possível ver o livramento de coisas, relacionamentos, situações que estavam sendo alimentadas pela razão, diplomacia e o “tal politicamente correto” até a raiva chegar e devastar tudo, e sim pode ser bom! Sempre pode ser bom se você reconhecer a mudança e assumir uma nova postura a partir de então, porque o que é definitivamente ruim na raiva é alimentá-la sem agir, sem mudar, sem crescer!

4- Medo de falhar

Ai ai ai o medo, esse “monstrinho” que nos acompanha desde uma certa idade (nossa criança em sua essência não sentia medo) existe para nos proteger!

Agora o medo de falhar existe para nos sabotar em realizar!

Estratégia: se sentir medo de falhar lembre-se que é possível recomeçar, resignificar, refazer e até acertar com um simples “enfrentamento” do monstro do medo! “Se tiver medo, vai com medo mesmo”. Não precisa virar o maior corajoso do planeta, nem o mais ousado, apenas um enfrentador de medos constante!

5- Preguiça

Essa bixa eu conheço: a preguiça!

Eu sabendo desse meu ponto fraco – autoconhecimento – tenho uma constante vigília para não sucumbir a este pecado!

Sou dinâmica, produtiva e prática, por isso sei que momentos de descanso são diferentes de momentos de preguiça.

A preguiça me pega quando estou sem energia, quando estou triste, quando estou perdendo a batalha com meus monstros internos, aqueles que me fazem procrastinar e desmotivar.

Estratégia: “dona preguiça” eu te reconheço, mas não te autorizo! Pense na sua meta master, fazer o que não nos motiva deve fazer sentido por ser parte de um projeto maior, que por sua vez nos move. 

6- Procrastinação

Olha ela aí! Palavra feia que significa “deixar para depois”, ou seja, quando temos tarefas, projetos, assuntos para resolver e vamos empurrando com a barriga, fazendo outras coisas (muitas vezes menos prioritárias) antes de fazer ou finalizar o que realmente importa!

Procrastinação é o maior inimigo da produtividade, logo o pior sabotador dos resultados positivos!

Estratégia: alinhar sua agenda com sua realidade é ter consciência do estilo de vida que você escolheu levar, isso significa assumir compromissos que realmente são importantes no seu dia a dia, mesmo os mais chatos (atenção: fazer só o que nos dá prazer é distração de foco) e finalizar nossas atividades, essa é a estratégia para deixar definitivamente a procrastinação para trás. 

DICA: Aproveite o item 11 para eliminar essa de vez!

7- Medo do sucesso

Você tem? Eu não tenho medo do sucesso, especialmente porque tenho a minha definição de sucesso muito clara e isso está relacionado com a questão anterior, a da procrastinação.

Vou explicar! Para mim, quando me proponho fazer algo bem feito do começo até o final, sinto uma enorme realização.

Estratégia: fragmentar suas metas e celebrar cada etapa delas!

Porque dar o “check” ✔️ de feito é bom demais sim! Sucesso é ter consciência das minhas escolhas alinhadas aos meus valores e claro a minha meta master!

8- Compulsão alimentar

Um soco na boca do estômago, eim!?

Desafio gigante para mim que quero ser mais consciente com as escolhas da minha alimentação, no ano que emagreci 10 quilos, mas que ainda associo emoções com comida, desejo claramente deixar para trás (give up total) esse apego ao açúcar (vício desgraçado) e todos os alergênicos que são fantasiados de gostosura literalmente fofas!

Estratégia: alimentar o conhecimento sobre este assunto saúde, corpo e mente (liberdade), pois as informações estão disponíveis para todos (amo essa era pós digital que vivemos) e alimentar o autoconhecimento sempre, afinal estamos em movimento e mudar faz parte do acordo.

9- Colocar as necessidades dos outros antes das nossas!

Abra mão definitivamente dessa “prisão” de querer agradar primeiro os outros, de ser aceito e ser reconhecido. Na maioria das vezes essa atitude está disfarçada de carência emocional.

Estratégia: preste atenção nas suas palavras e ações, reflita se você está realmente feliz em fazer o que faz e para quem faz.

Faça mais por você! Diga sim para suas necessidades, mesmo que isso resulte em alguns “nãos” para as necessidades dos outros!

10- Auto sabotagem

Quantas vezes arrumamos desculpas para nós mesmos?

Eu quero cada vez mais deixar de me auto sabotar, porque eu escolho ser protagonista sabendo que sou ser humano em processo de evolução e que isso significa que estou aqui para aprender!

Então ser muito crítica, ser inquieta, ser vítima não podem se tornar desculpas para eu seguir em frente.

Estratégia: autoconhecimento, autocuidado, autoestima e autoconfiança! Alimente esses aliados e só assim vencerá seus próprios auto sabotadores.

11- Viver no piloto automático da vida.

Você vive no automático, respondendo demandas, sem um plano de voo para sua vida? Eu quero cada vez mais ter o controle dos meus projetos e dos meus recursos. Quero que você também aprenda a ter uma melhor gestão do tempo, saiba construir metas atingíveis e relevantes em todas as áreas da sua vida. Quero que você potencialize seus talentos e redescubra o que é viver uma vida com mais presença.

Então se liga no presente que eu quero te dar. Clica no link e descubra como eu Inspiro pessoas com mais produtividade no estilo de vida que escolhi.

Estratégiahttps://chaicarioni.com.br/lp/treinamento-viva-com-mais-presenca/

 

Um super beijo,

Até o próximo,

Chai Carioni

 

 

Recent Posts

Leave a Comment

Entre em contato!

Tem dúvidas ou quer conversar sobre nossos produtos? Envie-nos um email, entraremos em contato em breve. Obrigado!

0

Start typing and press Enter to search